3 ideias para reaproveitar berços usados
05 de Abril de 2012 • Atualizado às 11h48

O berço possui vida curta quando é usado apenas na sua função original, pois rapidamente o bebê cresce e o móvel precisa ser trocado por uma cama. Entretanto, há diversas maneiras de reaproveitá-lo e o CicloVivo separou três dicas.

Mesa de atividades

Se a criança está grande para não dormir mais em berços, pode ser que ela já tenha idade suficiente para usar lápis de cor, giz de cera, brincar com papeis, mesmo que seja com a supervisão de um adulto. Para fazer uma mesinha é fácil: basta retirar uma das grades, colocar no estrado uma placa de fibra de madeira de média densidade (mais conhecido como MDF) e pintá-la com uma tinta para quadro negro.

Outra ideia legal é fazer organizadores de papel com caixinhas de leite ou cereal, depois pendurá-los em pequenos ganchos ou amarrá-los com fitas ou barbantes. Ponha cadeiras de plástico em torno da mesa e está pronto. Com certeza as crianças vão adorar ter um espaço personalizado para elas.

Mesa de trabalho

Com apenas dois ajustes é possível transformar um berço em um ambiente de trabalho agradável. Primeiro use uma das grades laterais como prateleira e finalize com um tampão de vidro na parte de cima. Se achar necessário, pinte o móvel. A ideia é simples e fácil de ser realizada. Os compartimentos podem ser usados para guardar livros, pastas e cadernos. Para visualizar o resultado confira a galeria de fotos.

Organizador

Agora, se o berço já foi herdado da tia, que ganhou da cunhada, e que foi usado pela avó, possivelmente, o móvel está bem velho e não se sustentará por muito tempo. Neste caso, uma dica é aproveitar o estrado para organizar utensílios. Basta comprar os ganchos e pregá-los no estrado para pendurar seus objetos. Também podem ser colocados caixinhas de pregadores, pequenas ferramentas de trabalho, enfim, uma infinidade de opções. Use a criatividade para fazer com o que o organizador seja também uma peça decorativa.

Caso não tenha tempo ou disposição para reaproveitá-lo, não jogue fora, pois é muito comum encontrar mulheres grávidas à procura de um berço usado. Se, realmente, não achar nenhuma pessoa interessada doe para uma ONG. Com informações de A casa que a minha vó queria

Redação CicloVivo



Faça você mesmo

institucional capa | quem somos | cadastre-se | sugestão de pauta | como anunciar | contato
canais meio ambiente | tecnologia | arquitetura | mídia e negócios | desenvolvimento | vida sustentável | cidadania | bike | faça você mesmo | vídeos

CicloVivo - Plantando notícias | Todos direitos reservados 2014.