Um painel solar inusitado, totalmente preto, com uma eficiência de ao menos 19,4% foi desenvolvido pela empresa Solaria com sede na Califórnia. O número representa um avanço aos painéis tradicionais que atingem de 15 a 17%.

O segredo da eficiência está na fabricação de módulos com menos espaço entre as células solares de silício monocristalino. Elas “são cortadas e sobrepostas sem solda, o que cria um conjunto de unidades de potência altamente confiável”, afirma a empresa em seu site. Além disso, o modelo, chamado de PowerXT, é projetado eletricamente para reduzir as perdas de energia.

A Solaria defende que o sistema é mais econômico para o cliente, afinal os painéis mais eficientes geram mais energia por metro quadrado, reduzindo os custos de instalação e o número de painéis instalados. Ainda assim, não foi divulgado o valor de cada módulo solar.

Imagem: Solaria
Imagem: Solaria

A companhia acaba de arrecadar 23 milhões de dólares para expandir a produção e, além do PowerXT, ela possui mais dois produtos: o PowerView, para integrar energia fotovoltaica em edifícios e o PowerGrow, uma solução para estufas, que ao mesmo tempo gera energia e melhora o crescimento da planta.

Redação CicloVivo

Jornalista, social media e aparelhada para gostar de passarinhos. Tem interesse por mais assuntos do que é capaz de acompanhar. Aqui escreve sobre infinitas possibilidades de tornar o mundo um pouquinho melhor.