As cápsulas de cafés e outras bebidas individuais costumam ser práticas para o consumidor, mas também são um perigo para o meio ambiente. Para reduzir o impacto disso, a Nestlé, responsável pela linha Dolce Gusto, informou que as embalagens da marca são recicladas e transformadas em novos produtos.

Para que a reciclagem funcione, no entanto, os consumidores precisam guardar as embalagens pós consumo e levá-las até um dos postos de coleta da marca. A partir daí, a companhia se responsabiliza pelo restante do processo.

As embalagens são levadas a uma indústria e passam por um processo de extrusão, até serem transformadas em uma resina plástica. Esse material é misturado a outras matérias-primas e resulta em um plástico, que pode ser moldado em diferentes formas.

O primeiro produto lançado pela marca dentro desse padrão é o porta-capsulas Renove, que tem 15% de sua composição proveniente da resina plástica reciclada. Segundo a empresa, os outros 85% também são advindos de materiais reciclados, mas eles não são detalhados no site da marca.

Redação CicloVivo