Quem nunca se sentiu bem menos estressado ao entrar em contato com a natureza? Isso não é da sua cabeça, pois pesquisas comprovam que este contato é extremamente benéfico para a sua saúde física e mental.

Os japoneses sabendo disso criaram a técnica “Banho de Floresta”, onde comprovam os benefícios gerados durante um período de contemplação na natureza.

Conheça aqui a tradição japonesa do ‘banho de floresta’ (shinrin-yoku)

Diante da importância de difundir a necessidade de aumentarmos nossa conexão com a natureza nos centros urbanos, foi criado o Banho de Parque, baseado nessa técnica japonesa e aliado aos conceitos da Ecologia Profunda.

Quais são as melhoras do nosso corpo com a prática, segundo estudo?

Redução de batimentos cardíacos, da pressão arterial, da atividade do nervo simpático e melhoria da atividade do nervo parassimpático, melhora o humor, aumento nos níveis de energia e disposição, aceleração dos processos de recuperação de doenças, clareza mental e melhora na capacidade de focar, aumento da atividade das células de defesa do organismo.

Conteúdo Programático

Parte teórica: Sobre o benefício das árvores e sobre o Banho de Floresta;
Parte prática: Banho de Parque no Viveiro Manequinho Lopes;
Palestra ao ar livre: Aprenda a interpretar o tempo, através da observação das nuvens.

Serviço

Banho de Parque
14 de maio de 2018, segunda-feira
Horário: 10h às 12h
Local: Sede da UMAPAZ – Parque Ibirapuera – Av. Quarto Centenário, 1268
Pedestres: Portão 7A
Estacionamento: Portão 7 da Av. República do Líbano (Zona Azul)
Evento aberto ao público.
Mais informações: https://goo.gl/q6LgCi
Inscrições: https://goo.gl/PRsBJn

Jornalista, social media e aparelhada para gostar de passarinhos. Tem interesse por mais assuntos do que é capaz de acompanhar. Aqui escreve sobre infinitas possibilidades de tornar o mundo um pouquinho melhor.