As Hortas Urbanas proporcionam a prática agrícola e o contato com a natureza, bem como momentos de convívio e relações comunitárias baseadas na cooperação e solidariedade. Inspiram a adoção de atitudes mais sustentáveis principalmente no que se refere à reciclagem dos resíduos produzidos e ao cultivo de alimentos com base agroecológica, tanto para a saúde humana quanto dos ecossistemas. Enfim, as hortas urbanas prestam serviços ecológicos, sociais e econômicos à população.

O objetivo do curso é compartilhar experiências de hortas comunitárias desenvolvidas na cidade de São Paulo, conhecer seus principais desafios e conquistas, estimulando o público para novas iniciativas quer sejam doméstica, em espaços públicos ou compartilhados. E criar oportunidade de fortalecimento das ações, através da articulação com o poder público.

Programação

Dia 13/09

O papel das hortas comunitárias na cidade de SP, desafios e novas perspectivas frente à necessidade de articulações e parcerias.

Facilitação:

  • Lya Cynthia Porto de Oliveira. Gestora de Políticas Públicas pela USP. Mestra e Doutora em Administração Pública e Governo pela FGV. Co-fundadora do Grupo de Estudos em Agricultura Urbana do IEA/USP. Pesquisadora do Centro de Estudos em Administração Pública e Governo da FGV. Trabalha com análise de políticas sociais, diagnósticos socioterritoriais e elaboração de projetos socioambientais.
  • André Ruoppolo Biazoti. Gestor Ambiental e mestrando no Programa de Pós-Graduação Interunidades em Ecologia Aplicada/USP. Integrante da Articulação Paulista de Agroecologia, do Movimento Urbano de Agroecologia e da União de Hortas Comunitárias de SP. Conselheiro do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Solidário e Sustentável de São Paulo.
  • Claudia Visoni. Paulistana.  Jornalista, ambientalista e agricultora urbana. Cultiva alimentos em casa e na Horta das Corujas (Vila Madalena). É articuladora de redes de permacultura, uma das fundadoras do grupo Hortelões Urbanos e do Movimento Cisterna Já, além de ativista antirresíduos e pró-compostagem.
  • Cyra Malta Olegário da Costa. Engenheira Agrônoma pela ESALQ/USP. Mestrado em Planejamento e Desenvolvimento Rural Sustentável pela FEAGRI/UNICAMP. Servidora pública municipal, atualmente no Páteo de Compostagem da Unidade de Áreas Verdes da Subprefeitura Lapa.

Dia 20/09

Apresentação de experiências de hortas comunitárias urbanas

Facilitação:

  • Neide Rigo. Nutricionista pela USP, colunista do Caderno Paladar do jornal O Estado de São Paulo. Autora do blog Come-se, fundado há doze anos para apresentar alimentos desvalorizados e suas possíveis formas de preparo. Co-fundadora da Horta Comunitária City Lapa. Comanda expedições para reconhecimento de plantas alimentícias no espaço urbano, PancNaCity. É curadora do Projeto Comer é Panc, no Sesc Pompéia.
  • Mity Hori Kato.  Administradora de empresa, agricultora urbana, permacultora, voluntária da Horta das Corujas há quatro anos. Divulgadora das Hortas urbanas comunitárias em diversos espaços.
  • Mariana Marchesi. Publicitária. Permacultora urbana e educadora ambiental. Voluntária da Horta Comunitária do Centro Cultural São Paulo e do Coletivo Batatas Jardineiras, que planta jardins agroflorestais no Largo da Batata. Ministra oficinas e desenvolve projetos de implantação e manejo de hortas com foco em educação ambiental. Integra a equipe do Pé de Feijão, uma empresa focada em transformar a relação das pessoas com a comida.

Dia 27/09

Apresentação de experiências de hortas comunitárias urbanas

Facilitação:

  • Thais Mauad. Médica e doutora em Patologia pela USP. Professora Associada do Departamento de Patologia da USP. Voluntária da Horta da Faculdade de Medicina da USP.
  • Sergio Shigeeda. Cientista da Computação/USP. Empresário, voluntário do Fórum Agenda 2030 Vila Mariana e Administrador da Horta da Saúde. Conselheiro do CADES Vila Mariana, Plantador de árvores e Membro do Comitê de Arborização da Cidade de São Paulo, pela SVMA.
  • José Luiz Fazzio. Formado em Propaganda e Marketing pela ESPM. Chefe Gastronômico que utiliza muitas pancs em seus pratos. Membro da União de Hortas Comunitárias de São Paulo. Administrador da Horta das Flores na Moóca e voluntário em educação ambiental para escolas e empresas.

Quando e onde

Dias: 13, 20 e 27 de setembro de 2018, quintas-feiras

Horário: 9h às 12h30

Local: Sede da UMAPAZ – Parque Ibirapuera – Av. Quarto Centenário, 1268

Pedestres: Portão 7A

Estacionamento: Portão 7 da Av. República do Líbano (Zona Azul)

Inscrições: aqui