Uma grande campanha de reciclagem no Peru transformou garrafas plásticas em milhares de ponchilas – uma combinação das palavras em espanhol “poncho” e “mochila”. O incrível produto é uma mochila com um poncho embutido para proteger as crianças do frio.

Distribuída para crianças de baixa renda, que moram nos Andes, muitas percorrem quilômetros por dia, muitas vezes em condições adversas, para chegar à escola. Cada ponchila tem ainda um “detalhe” importante: cada uma delas é fabricada com 80 garrafas plásticas recicladas.

No Peru, 18 mil toneladas de resíduos são gerados todos os dias, dos quais 10% são de plástico; sendo que muito pouco é reciclado. “Com essa iniciativa, estamos recuperando muito plástico que pode acabar em aterros sanitários, lixões ou nos oceanos”, diz Miguel Nárvaez, chefe de responsabilidade social e empresarial da Cencosud, uma rede de supermercados e uma das empresas que lideram a campanha.

A iniciativa

O projeto das mochilas ecológicas teve início em 2016, quando Cencosud, Agua San Luis (da Coca-Cola) e Pacífico Seguros se uniram para reduzir a evasão escolar nos planaltos dos Andes devido às temperaturas extremas e às longas distâncias que as crianças precisam percorrer para chegar à escola.

As empresas convidaram os cidadãos a apoiar a iniciativa reciclando suas garrafas de plástico durante o verão. “Graças à campanha, quase 40% dos clientes de nossos supermercados começaram a reciclar plástico pela primeira vez”, afirma Narváez. “Para nós, isso representa um impacto relevante”.

Ao total, foram reunidas cerca de 560 mil garrafas que, em 2017, resultou em seis mil ponchos e em 2018 o número subiu para sete mil. Os produtos foram entregues às crianças nas províncias de Puno, Cusco, Arequipa, Huancavelica, Ayacucho e Apurímac antes do início do ano letivo.