Levantar paredes de concreto que se integrassem em meio a paisagem verde. O estúdio Una Arquitetos aproveitou um lote amplo que já possuía grande arborização para projetar a exuberante “Casa em Cotia”, cujo telhado verde é a grande estrela. O projeto é de 2012, mas a obra foi realizada somente no ano passado pela F2 Engenharia no município de Cotia, na Grande São Paulo.

Com terreno de 2.600 m² disponível, dos quais 730 foram usados para a construção, falta de espaço não foi o problema. O desafio mesmo era a inclinação do terreno, que é uma característica local. Mas, a equipe conseguiu desenhar uma residência que se acomoda bem à geografia e cria uma sensação de integração entre o espaço interior e exterior – em parte, graças ao telhado. “A implantação aproveita essa área livre, busca resguardar os moradores dos ruídos da rua e se abre para a pequena mata”, afirma o estúdio Una Arquitetos.

A casa é dividida em três blocos. Cada um composto por grandes janelas e vidros, de forma que a beleza exterior pode ser apreciada de qualquer ponto da casa. Além de garantir a entrada de luz  natural. O telhado verde, com extensão de 45 metros, é um dos pontos em comum que conecta toda a construção. Mas, há também escadas e rampas de acesso que ligam os cômodos. Uma delas leva a sala de estar e cozinha e um segundo lance leva aos quartos e a biblioteca.

Telhado verde

Os telhados verdes são uma forma de levar o cuidado com o meio ambiente para a residência. Eles auxiliam na drenagem da água da chuva e proporcionam isolamento acústico e térmico. Mas seus benefícios não estão restritos aos moradores, pois eles ainda ajudam na diminuição da temperatura e no aumento da umidade relativa do ar. Ou seja, faz bem para toda a comunidade ao redor.

Se tudo isso acima não te convenceu, saiba que a vegetação no telhado também contribui para a absorção de poeira e poluição, filtragem das partículas suspensas no ar (como a fuligem expelida pela queima de combustíveis fósseis) e a diminuição do efeito “ilha de calor”.

Foto da capa: Bebete Viegas.

Jornalista, social media e aparelhada para gostar de passarinhos. Tem interesse por mais assuntos do que é capaz de acompanhar. Aqui escreve sobre infinitas possibilidades de tornar o mundo um pouquinho melhor.