Berço do hip hop, o condado de Bronx, em Nova Iorque, nos Estados Unidos, ficou famoso durante décadas pelos altos índices de criminalidade. Os números despencaram ao longo dos anos, mas ainda há muitos vestígios deste período e o projeto The Peninsula quer ajudar a mudar isso. Para tanto, transformará uma antiga prisão para menores de idade em um bairro com habitação popular.

A ideia é o que empreendimento seja de uso misto. Haverá 740 unidades de moradias acessíveis, criação de mais de 300 empregos permanentes e um grandioso espaço aberto de acesso público. Além dos espaços comerciais, haverá instalações comunitárias -, inclusive com espaço para trabalho de artistas.

Financiado por empresas locais, o bairro será composto por cinco edifícios com painéis solares e telhados verdes. O projeto Península será construído em três fases, com a fase I prevista para conclusão em 2021, a fase II em 2022 e a conclusão total em 2024.

Projeto

O empreendimento foi projetado pelo estúdio de arquitetura WXY + urban design e pela Body Lawson Associates. Apresentado pela primeira vez há dois anos, ele acaba de ser aprovado pelo Conselho da Cidade. Estima-se que a iniciativa tenha custo de 300 milhões de dólares.

“É um grande dia para a justiça no Bronx. À medida que nos movemos para construir mais de 700 casas acessíveis, espaços abertos e pequenas empresas na antiga sede do Spofford Juvenile Center, no bairro de Hunts Point, estamos vendo uma comunidade crescendo e corrigindo erros antigos”, afirmou o prefeito Bill de Blasio. O complexo de detenção foi fechado em 2011, após brigas internas e péssimas condições higiênicas nas instalações.